Carregando...

sábado, 24 de março de 2012

OS TECNOPOLOS

Os Tecnopolos são áreas de pesquisa e produções tecnológica exclusivamente avançada. Geralmente nessas áreas se instalam instituições de ensino e empresas especializada em tecnologia de ponta como os novos modelos de celulares, computadores, tevês e todas as novidades do mercado global. Elas são denominadas de polos científicos, polos tecnológicos ou tecnopolos. Podemos encontra esses parques em várias regiões do mundo.


ORIGEM

O primeiro polo científico foi criado nos Estados Unidos, quando a Intel, juntamente com a Universidade de Stanford na Califórnia e a UCLA, criaram um polo de desenvolvimento tecnológico na área de computação e informática no Vale do Silício, ou Silicon Valley.


Localização geográfica dos polos tecnológicos no mundo:


AMÉRICA:

São Francisco (EUA)

Ottawa(EUA)

Boston(EUA)

Austin(EUA)

Guadalajara(México)

Campina(SP)

Silicon VAlley


O Silicon Valley é o polo mais desenvolvido do Continente Americano estando localizado no estado da Califórnia (EUA) ao sul da cidade de São Francisco. A industrialização dessa região teve início nos anos 90, mas o impulso para o seu desenvolvimento se deu com a Segunda Guerra Mundial e principalmente durante a Guerra Fria, devido à corrida armamentista e aeroespacial. Foram as indústrias eletrônicas do Vale do Silício que forneceram transistores para mísseis e circuitos integrados para os computadores que guiaram as naves Apollo. Muitas empresas que hoje estão entre as maiores do mundo foram gestadas na região: Apple, Altera, Google, Facebook, NVIDIA Corporation, Electronic Arts, Symantec, Advanced Micro Devices (AMD), eBay, Maxtor, Yahoo!, Hewlett-Packard (HP), Intel, Microsoft (hoje está em Redmond, próximo a Seattle, entre muitas outras.


Cidades do Vale do Silício(Silicon Valley)


Campbell

Cupertino

Fremont

Los Altos

Los Gatos

Menlo Park

Mountain View

Milpitas

Newark

Palo Alto

Redwood City

San Jose

Santa Clara

Saratoga

Sunnyvale

Union City

Universidades que desenvolvem pesquisas nessa regiõe:

Carnegie Mellon University (West)| Carnegie Mellon University (West Coast Campus)

San Jose State University

Santa Clara University

Stanford University

California State University, East Bay

Universidade da Califórnia, Davis

Universidade da Califórnia, Berkeley

Universidade da Califórnia, Santa Cruz




EUROPA:

Alemanha(Munique)

Glasgow(Reino Unido)

Dublin(Irlanda)

Oslo(Noruega)

Estocolmo(Suécia)

Madri (Espanha)

Reykjavík (Irlanda do Norte)

Catarina(Itália)

Baviera


O tecnopolo mais importante da Alemanha e o da Baviera. E um centro industrial antigo que com o tempo se transformou no mais importante parque tecnológico do país onde se concentram empresas de alta tecnologia, dos setores eletrônico, de tecnologias de informação (TI), automobilístico, de biotecnologia e aeroespacial. Foi implantado a partir dos anos 1970, abriga 12 universidades, vários centros de pesquisa sendo alguns com destaque na área de Física. Aí também se localizam as principais indústrias do setor eletrônico como Siemens e Bosch e também filiais de grandes empresas de outros setores.

 
                                                  Palácio de Herrenchiemsee


Ásia


Pequim(China)


Seul(Coréia do Norte)


Taiwan


Bangalore(India)


Kioto (Japão)


Tel Aviv (Israel)
Abu dabi (Arábia Saudita)

A Ásia é continente onde podemos encontrar diversos parques tecnológico e a maioria deles desenvolve pesquisa em todos os setores. Um deles que destaque é Toqui no Japão:

Tóquio é o principal centro financeiro, comercial, educacional e cultural do Japão. Assim sendo, Tóquio possui a maior concentração de sedes de empresas comerciais, instituições de ensino superior, teatros e outros estabelecimentos comerciais e culturais do país. Tóquio também possui um sistema de transporte altamente desenvolvido, com numerosas linhas de trens metrôs e de ônibus , bem como o Aeroporto Internacional de Tóquio.

Ficheiro:Japan Tokyo3.png






ÁFRICA


Sofia Anitipolis (Argélia)

Tunis. (Tunísia)

África do Sul
Na África do Sul a produção industrial se desenvolve na capital Petróita e Cidade do Cabo. O país
exibe uma das maiores concentrações de riquezas minerais do mundo, entre as quais estão: o ouro,  a platina, o diamante e o carvão. Ocupa a o 45º posição no ranking de competitividade do Fórum Econômico Mundial.
No setor secundário se destacam as indústrias de mineração (maior produtor mundial de platina, ouro e cromo), montagem de automóveis, metalurgia, máquinas, têxteis, ferro, aço, produtos químicos, fertilizantes, alimentos e reparo de navios comerciais.
O turismo apresentando a imagem da África selvagem também é uma das atividades alavancadora da economia desse país. O safári pela savana africana. visita ao Parque Nacional Kruger (principais reservas de mamíferos do mundo, permitindo a observação da vida de animais selvagens no habitat natural) são atividades que garante a presença do turista e que junto com a industrializaçao garantem o crescimento economico.  


Cidade do Cabo



Oceania:

Singapura

Kuala Lumpur(Brunei))

Sidnei(Austrália)


Singapura é um dos Tigres Asiáticos, sendo um dos polos econômicos de maior expressão na Asia. A economia desse país é baseada no capitalismo financeiro e industrial. Assim como acontece com os demais tigres asiáticos, os principais produtos de exportação são máquinas e equipamentos eletrônicos de última geração.
Singapura é um país extremamente pequeno, sem recursos naturais e sem espaço para a agricultura, mas com uma economia que não para de crescer, especialmente por ser uma plataforma de exportação - modelo de desenvolvimento que colocou Singapura no patamar dos países emergentes (mas não no G-20).
Na ausência de espaço para a prática da agricultura e da pecuária, Singapura investe pesado na aquicultura e nas mais variadas atividades pesqueiras para suprir, pelo menos parcialmente, a necessidade de importar alimentos.
De um modo geral, Singapura possui bons índices econômicos e sociais, tendo um IDH elevado, alta renda per capita e baixíssimas taxas de criminalidade e analfabetismo.
Embora seja uma potência industrial e tecnológica, Singapura tem forte dependência de importação de alimentos, energia e matéria-prima, além de uma visível instabilidade econômica, uma vez que é um país extremamente dependente de capital externo.


                        



Fonte: Wikipédia;
Lígia Terra...: Conexõaes  Estudos de Geografia Geral e do Brasil, 1ª edição, Moderna 2010
Imagens: Google




Nenhum comentário:

Postar um comentário